Investimentos – Investir em dólar

Por: Cristina Cardoso

É importante entender por que investir em dólar é cada vez mais interessante. Muitas pessoas e empresas aplicam seus rendimentos na moeda estrangeira como forma de equilibrar custos e gastos no exterior, por exemplo, para uma viagem, um intercâmbio ou a mudança de vida para fora do país.

Investimentos em dólar devem ser considerados uma forma de proteção.

Diversificar o portfólio apostando na moeda estrangeira traz mais estabilidade aos investimentos e mais equilíbrio à carteira de renda variável, uma vez que as ações e o dólar apresentam correlações inversas. Ou seja, em períodos de desvalorização das ações, o aumento da cotação do dólar reduziria as quedas no portfólio.

Existem diversas alternativas corriqueiras e acessíveis para quem quer investir em dólar: fundos internacionais, fundos cambiais, EFTs. Até mesmo a simples compra do papel-moeda.

 

Alternativas para investir em dólar

Fundos de investimento internacionais

A XP desenvolveu a maior plataforma de fundos internacionais do Brasil, consolidando-se como grande hub para o brasileiro investir no exterior. Os Fundos Internacionais têm alocação em ativos de outros países. A estratégia pode envolver investimentos de renda fixa, ações, derivativos, com   a opção de escolher o formato sem “hedge”, ou seja, investir nos ativos e ficar exposto à variação cambial no mesmo investimento. Os fundos são negociados no mercado brasileiro.

Fundos cambiais

Os fundos cambiais estão entre as opções mais utilizadas por investidores que procuram proteção e estabilidade. São fundos de investimentos focados na variação cambial. Logo, o objetivo é acompanhar moedas.

Muitos fundos cambiais têm o foco no dólar, exatamente com a função de promover segurança cambial para investidores que buscam o equilíbrio da carteira. Assim, eles são uma maneira prática de se organizar.

ETFs

Outra estratégia para investir em dólar no mercado financeiro são os ETFs (Exchange Traded Fund). Eles também são um tipo de fundo de investimento — cujo foco está em acompanhar e replicar um índice econômico.

Existem vários ETFs no mercado, mas, como a intenção do investidor é aumentar sua exposição ao dólar, a procura deve se basear em algum fundo que replique um índice da bolsa internacional (como o S&P 500).

Agora que você aprendeu a importância de se proteger da variação cambial e as diversas maneiras de investir em dólar, avalie com seu assessor as melhores alternativas para o seu perfil e seu objetivo.

There are no comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Start typing and press Enter to search

Shopping Cart